Alfredo Gaspar só pode continuar como secretário até o dia 02 de abril

Decisão do STF obrigou saída de Alfredo Gaspar de Mendonça da função. Governador já busca substituto para a pasta estadual.

alfredo-gaspar

Com a publicação nesta segunda-feira (14) da decisão do Superior Tribunal Federal (STF), que proíbe membros do Ministério Público de assumirem funções no poder executivo, o secretário de Segurança Pública de Alagoas, Alfredo Gaspar de Mendonça, tem até o dia 2 de abril para deixar o cargo.

A saída do secretário, que é promotor do Ministério Público de Alagoas, foi anunciada pelo governador Renan Filho (PMDB) no dia 9 de março após o acordão do STF.

Na ocasião, Renan Filho disse que acataria sumariamente o parecer da Corte Federal para que seja feita a transição na Segurança Pública do Estado de Alagoas.

E que “o novo nome que comandará o destino da pasta está sendo analisado e terá a mesma orientação de conduzir a Segurança Pública pela égide da integração e valorização das forças de segurança do Estado”, expôs em nota o governador.

O nome do substituto está sendo definido com a ajuda do ainda secretário Alfredo Gaspar de Mendonça.

G1/AL