Autoridades dos EUA confirmam que Chris Cornell se suicidou

Autoridades dos EUA confirmam que Chris Cornell se suicidou

Um médico legista confirmou nesta quinta-feira (18), em Detroit, nos Estados Unidos, que Chris Cornell, vocalista dos grupos Soundgarden e Audioslave, se suicidou, informaram veículos de imprensa americanos.

“Com base em nossas observações, investigamos o ocorrido como um possível suicídio”, assinalou Michael Woody, diretor de comunicações da polícia de Detroit, segundo jornal “Detroit Free Press”. “Não vamos comentar especificamente os motivos”, acrescentou Woody.

Segundo o Terra, as autoridades receberam um telefonema de emergência por volta da meia-noite procedente de um amigo de Cornell, que foi verificar o estado do artista em seu quarto no hotel MGM Grand, em Detroit, onde o encontrou inconsciente no chão do banheiro.

Outro porta-voz do departamento de polícia de Detroit indicou anteriormente ao jornal que o corpo do músico, de 52 anos, foi encontrado com uma fita ao redor do pescoço.

O também vocalista do grupo Temple of the Dog estava em Detroit se apresentando com o Soundgarden, com quem tinha iniciado uma turnê pelos Estados Unidos, que começou em abril deste ano, segundo informou seu representante, Briam Bumbery.

Bumbery qualificou a morte de Cornell de “repentina e inesperada”. A família e o empresário do vocalista agradecem a “seus fãs, o contínuo amor e a lealdade” que mostraram ao artista e pedem “respeito a sua privacidade neste momento”.

18/05/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *