Bebê alagoano recebe apoio e vai de helicóptero fazer revisão cirúrgica no Recife

Trabalho de socorro conta com força-tarefa do Samu e com serviço aéreo da Secretaria de Segurança Pública

b2ed404cd66d00ae6bf0e3c40c635b81_L
Bebê Guilherme Correia da Silva, de três meses, foi transportado até o Recife nesta terça-feira (19) pela força-tarefa do Samu com aéreo da Secretaria de Segurança Pública. Grupamento Aéreo da SSP
Salvar vidas em todos os aspectos tem sido prioridade do Governo de Alagoas. As ações de socorro com a utilização de aeronaves é um marco e vem resgatando a alegria de muitas famílias.
No inicio da manha desta terça-feira (19), com empenho do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e aparato do Grupamento Aéreo da Secretaria de Segurança Pública (SSP), a aeronave Falcão 4 decolou para a cidade do Recife, em Pernambuco. O bebê Guilherme Correia da Silva, de três meses, foi até a capital pernambucana para uma revisão de cirurgia cardíaca.
“Ele foi submetido à intervenção cirúrgica há um mês e hoje será avaliado no Procap. Para nos a alegria é inexplicável.  Esse tipo de ação nos emociona e gratifica” , afirmou o médico Claubiano Moura, que acompanha o minipaciente sob o comando do piloto Williams e reforço do tripulante sargento Souza Neto, do Corpo de Bombeiros.
Para o chefe do Aéreo, coronel André Madeiros, “é mais uma vida salva com a cooperação do Aéreo e do Samu e isso significa o respeito com a sociedade alagoana”.
A parceria entre Samu e SSP tem auxiliado a sociedade alagoana em situações críticas e que exigem a luta contra o tempo. Na capital ou no interior, nas mais diversas circunstâncias,  as aeronaves chegam na hora certa e acendem a esperança.
BEBE_02
Dulce Melo – Agência Alagoas