Concurso de Miss nos EUA conta com primeira participante muçulmana, que compete usando hijab

c9d333b1cc30a050a306693ed1c340c3

Se a indústria de beleza ainda está em adaptação quando o assunto é diversidade, o mundo dos concursos de misses chegou a outro nível.

Na edição 2016, o Miss Mennesota contou com a primeira participante muçulmana em sua história, e seus costumes religiosos foram todos respeitados. O hijab, lenço típico usado pelas mulheres islâmicas, se manteve e ao invés de biquíni, Halima Aden desfilou no palco da premiação usando o burkini.

Halima Aden starts off Miss Minnesota USA’s swimsuit segment to big cheers from the crowd. Announcer: “She’s making history tonight.” pic.twitter.com/OUvbHv6xct

— Liz Sawyer (@ByLizSawyer) 27 de novembro de 2016

Halima tem 19 anos e nasceu em um campo de refugiados, no Quênia. Ela se mudou para os Estados Unidos aos 6 e o sonho de entrar para um concurso se realizou, fazendo com que ela alcançasse um lugar entre as 15 semifinalistas.

Apesar de não ter chegado à final, Halima espera que sua participação no concurso inspire outras mulheres muçulmanas a se tornarem confiantes com sua identidade. “Muitas pessoas não vão conseguir ver sua beleza por estar coberta e eles não estão acostumados com isso. Eu tive que trabalhar em minhas habilidades como pessoa e dar a chance para as pessoas me conhecerem além da roupa”, disse ao canal local KARE.

Ela contou ainda que recebeu o apoio de várias mulheres ao redor do mundo. “Esta é uma grande vitória para nós. Sou a primeira a fazer isso e espero ver mais mulheres muçulmanas vestindo seus burkinis e sendo celebradas”.

 

Yahoo

28/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *