Em resposta, prefeita Maria Eliza rebate acusações

9a71aec3-ba0a-4528-96c4-e1bc13f2f5a1

A prefeita do município de Rio Largo, Maria Eliza Alves da Silva, solicitou um direito de resposta, neste sábado (9), a uma matéria divulgada ontem (8), no blog do Kleverson Levy, no CadaMinuto. Seguindo a ética do Jornalismo, o espaço foi concedido.

Segue o texto enviado na íntera 

Tomei conhecimento, na data de ontem, da matéria veiculada no blog de Kleverson Levy, inserido no site e portal Cada Minuto, cuja manchete é a seguinte: “Filho de prefeita e ex-secretário são denunciados por cobrar propina de empresário.

No conteúdo da aludida matéria, consta que a Câmara Municipal de Rio Largo teria recebido pedido de impeachment contra a minha pessoa, formulado pelo ex-vereador Cícero Severino Santana, mais conhecido como Dadá.

Ao texto escrito por Kleverson Levy foram anexados diversos prints, de supostos diálogos no aplicativo Telegram, nos quais estariam envolvidos o empresário André Ferreira da Silva, o ex-Secretário Reginaldo Alves Mendonça Filho, mais conhecido como Reginho e o Secretário Filipe Gustavo Alves da Silva.

Registre-se, de logo, que desconheço tais fatos, sendo oportuno registrar que jamais participei de qualquer conversa ou ajuste com o Sr. André Ferreira da Silva e não há, nas supostas conversas, nenhuma menção ao meu nome ou qualquer diálogo envolvendo a minha pessoa.

Pauto meus atos e condutas na fiel observância aos preceitos legais, buscando sempre, em minhas atividades, desempenhar com honradez, denodo e resultados o mandato de Prefeita, visando o bem comum e o atendimento dos anseios da população rio-larguense, destacando ainda que o procedimento de contratação da empresa Eco Ambiental obedeceu todos os requisitos legais, sendo antecedido de amplo chamamento público.

Pelas informações que me foram disponibilizadas, os referidos Secretário e ex-Secretário, no desempenho de suas funções, chegaram a contactar sim, com os representantes legais da empresa Eco Ambiental, que não é, pelo que me consta, de propriedade do Sr. André Ferreira da Silva.

Os contatos realizados tinham por objetivo que os serviços prestados pela referida empresa fossem realizados a contento e adequadamente, nos estritos termos do contrato, tudo devidamente registrado nos livros competentes das aludidas atividades.

Pelo que me informaram, em nenhum momento tiveram conversas do teor apresentado com qualquer pessoa, muito menos com o Sr. André, não sendo verdadeiro o teor das supostas conversas apresentadas, representando, na verdade, enorme e criminosa fraude e falsificação, que será por eles demonstrada, na forma e momento oportunos.

Segundo me relataram os referidos Secretário e ex-Secretário, serão tomadas as providências necessárias para que sejam processados os responsáveis pela falsificação de documento e seu conteúdo, bem como pelo uso e divulgação, cuja finalidade é conspurcar o meu mandato, sem que eu tenha conhecimento e participação nos aludidos fatos, valendo-se de trama ardilosamente urdida, na qual estão envolvidos outros personagens da cena política de Rio Largo, cujos nomes e informações serão levados ao conhecimento das autoridades competentes.

No entanto, demonstrando a lisura de todos os procedimentos, bem como a busca pela elucidação de tais fatos, de maneira efetiva e robusta, estou determinando a instauração de procedimento administrativo, ao tempo em que exonerei de seu cargo o Secretário Filipe Gustavo Alves da Silva, de modo que não se diga que o mesmo possa atrapalhar ou interferir na colheita de informações e apurações, valendo ressaltar que o Sr. Reginaldo Alves  Mendonça Filho não ocupa, atualmente, qualquer cargo na estrutura administrativa do município de Rio Largo.

Estou determinando, ainda, que após promover as devidas apurações, que a Procuradoria Geral do Município encaminhe as suas conclusões tanto a esta Prefeita, assim como as autoridades competentes, adotando, se o caso exigir, as medidas legais pertinentes, sejam elas de natureza administrativa ou judicial.

Por fim, informo que desconheço o conteúdo e existência de denúncias sobre tais fatos e circunstâncias junto à Câmara Municipal de Rio Largo e outras autoridades, mas me coloco à inteira e irrestrita disposição das mesmas para colaborar, contribuir e esclarecer os fatos, buscando o restabelecimento da verdade.

Espero, assim, ter prestado os devidos esclarecimentos, ao tempo em que registro não ter sido ouvida previamente sobre os fatos noticiados, como orienta e determina o bom jornalismo, razão pela qual solicito a este conceituado portal que veicule a minha resposta, dando a ela o mesmo destaque, de modo que os seus leitores e o público em geral possam tomar conhecimento da verdade, afastando eventuais dúvidas.

Atenciosamente.

Maria Eliza Alves da Silva

Prefeita de Rio Largo.

Veja também:

Filho de prefeita e ex-secretário são denunciados por cobrar propina de empresário

Cada Minuto