Justiça mantém prisão de suspeito de tentativa de estupro no Barrashopping

Justiça mantém prisão de suspeito de tentativa de estupro no Barrashopping

A Justiça do Rio manteve a prisão preventiva do suspeito de roubo e tentativa de estupro de uma jovem no último sábado, no estacionamento do BarraShopping, localizado na Avenida das Américas, Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ele portava uma arma falsa e roubou um carro após ameaçar o motorista. O suspeito foi capturado por um policial à paisana que passava pelo local.

Segundo o Extra, a vítima da tentativa de estupro contou que o suspeito puxou o cabelo dela e tampou sua boca, impedindo-a de gritar por ajuda. O ato não aconteceu porque ela conseguiu se desvencilhar do agressor. O homem já foi condenado pela prática de estupro. A decisão de manter a prisão preventiva dele foi do juiz Marco Couto, do plantão na Central de Audiência de Custódia (Ceac),

“No caso em exame, a garantia da ordem pública impõe a prisão porque não se pode admitir que o preso continue expondo as pessoas de bem da nossa sociedade. Veja-se que se tem notícia de uma tentativa de estupro e de um roubo”, escreveu o juiz Marco Couto na decisão.

16/05/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *