Líder comunitário é assassinado na frente da esposa no Benedito Bentes

lider
O líder comunitário do Conjunto Paulo Bandeira, no Benedito Bentes, identificado com Ronaldo Correia de Lima, de 46 anos, foi assassinado, nesta terça-feira, 16, dentro da sua residência na quadra 6, do conjunto habitacional.

Segundo informações da Polícia Militar, três homens armados chegaram à residência de número de 23 e atiraram contra Ronaldo Correia. Foram vários disparos de arma de fogo contra o líder comunitário, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A esposa da vítima presenciou toda a ação criminosa e passou mal ao ver o marido morto. A viúva teve que receber atendimento médico.

Após o homicídio, membros da associação de moradores do Conjunto Paulo Bandeira estiveram no local e contaram que a motivação do crime pode está atrelada ao trabalho desenvolvido pela vítima na comunidade.

“Nós que trabalhamos com a comunidade não temos como agradar a todos. Ele pode ter contrariado alguém e esta deve ter sido causa de sua morte. Ronaldo trabalhava com crianças e tentava evitar que elas se envolvessem com algo errado. Ele tinha uma escolinha de futebol e realizava a distribuição de alimentos na comunidade. Ronaldo mantinha uma boa relação com os moradores”, disse um dos membros da associação, que preferiu ter o nome preservado.

Equipes do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM) isolaram a cena do crime e realizaram rondas na região a fim de prender os acusados. Peritos do Instituto de Criminalísticas realizam os primeiros levantamentos sobre o caso e em seguida, o corpo será removido ao Instituto Médico Legal Estácio de Lima, no Prado.
Cada Minuto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *