Namorado e mais três são suspeitos de estuprar jovem de 12 anos, diz polícia

Polícia apreendeu celulares, máquina fotográfica e cartão de memória em casa onde ocorreu estupro coletivo. Dois menores devem ser entregues à polícia pelas famílias nesta sexta-feira (12).

A Delegacia de Atendimento à Criança e Adolescente Vítima (Dcav) tenta cumprir nesta quinta-feira (11) dois mandados de apreensão e um de prisão contra dois menores de idade suspeitos de estuprar uma menina de 12 anos – um deles namorado da vítima – e um jovem de 18 anos. Um menor já havia se entregado na última terça-feira (8). Os quatro são suspeitos do estupro coletivo da menina na Chatuba de Mesquita, na Baixada Fluminense.

De acordo com investigadores, as famílias de dois menores envolvidos se comprometeram a entregar os jovens à polícia nesta sexta-feira (12). A polícia segue à procura do único maior de idade apontado como participante do crime, diz o G1.

Segundo as investigações, o namorado da jovem, de 17 anos, é um dos autores do crime, que teria começado com dois amigos dele, também menores. A jovem chegou na casa do namorado e encontrou os dois amigos, de 16 e 17 anos, que tentaram estuprá-la. Após a recusa dela, o namorado chegou com outro amigo, de 18 anos de idade, e então o estupro de vulnerável foi consumado. Pela legislação brasileira, fazer sexo com uma pessoa menor de 14 anos é estupro, mesmo com consentimento da vítima.

Na manhã desta quinta, a Polícia realizou uma perícia na casa onde ocorreu o crime. No local, os agentes apreenderam uma máquina fotográfica com um cartão de memória, além de dois celulares e um pacote de camisinhas. A casa, segundo os agentes, estava revirada. Dois travesseiros também foram apreendidos. A polícia vai verificar se algum deles foi utilizado para sufocar a jovem durante o crime, como mostram as imagens de um vídeo vazado na internet na última semana.

11/05/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *