Segurança Pública apresenta ao sindicato dos bancários ações de combate a roubo nas agências

Secretário Lima Júnior compartilhou estratégias, nesta quinta-feira (14), com o representante da categoria, Jairo França

3957749059ba282bcc0f2396e42e4755_L

O secretário de Segurança Pública de Alagoas (SSP-AL), Lima Júnior, reuniu-se na nesta quinta-feira (14) com o presidente do Sindicato dos Bancários de Alagoas, Jairo França, para apresentar ações de combate a roubo nas agências bancárias sediadas no Estado.

Na oportunidade, Lima Júnior compartilhou informações sobre o trabalho das inteligências da Segurança Pública, que atuam de forma integrada para combater os assaltos nas instituições financeiras, além de mostrar a contribuição dada por alguns bancos à Secretaria, a fim de reduzir o número de casos.

“Acreditamos que a união de forças é o caminho para confrontar essa modalidade de crime que assola o país. Hoje, mais um sindicato veio à Secretaria preocupado em defender os direitos de sua categoria e viu que a Segurança Pública trabalha de forma séria e compromissada com a sociedade alagoana”, declarou Lima Júnior.

O delegado Vinícius Martins Ferrari, da Seção de Roubo a Bancos (Serb) da Divisão Especial de Investigação e Captura da Polícia Civil de Alagoas (Deic – PC/AL) também participou da reunião. Ferrari ressaltou que, só neste mês, foram presos seis integrantes de três quadrilhas que atuam em Alagoas e outros estados.

“A Polícia Civil não tem medido esforços para desarticular os criminosos. Fazemos trabalho de inteligência, investigação de campo, coleta de dados, solicitação e cumprimento de mandados de prisão, entre outras atividades”, informou o delegado, destacando que Alagoas ainda apresenta um dos menores índices de ataques a banco do país e que as investigações contra as quadrilhas continuam em andamento.

Já o presidente do Sindicato dos Bancários, por sua vez, disse que constatou avanços no trabalho da Segurança Pública e que a integração dos bancos à inteligência da Secretaria tem sido interessante. “Agora continuamos batendo na tecla de que as instituições bancárias precisam reforçar a segurança das agências”, finalizou.

Também participaram da reunião o comandante do Policiamento da Capital (CPC), Claudevan Gomes de Albuquerque, e o delegado geral da Polícia Civil, Paulo Cerqueira.

Gildo Júnior – Agência Alagoas

14/07/16